Growth marketing: o caminho para transformar metas em resultados

|

Empresas que buscam crescimento rápido do negócio estão apostando cada vez mais no growth marketing e essa é uma ótima estratégia. Já que, o objetivo do growth é alavancar resultados, como aumento de vendas, e, ao mesmo tempo, promover o crescimento contínuo da marca.

Certamente, você vai se surpreender em como o alinhamento entre os times de marketing e vendas é capaz de fazer a engrenagem do negócio girar com muito mais força. Essa é a proposta: fixar o mesmo mindset – de growth – em toda a equipe para otimizar o processo desde a geração de demanda até à venda e o relacionamento com clientes.

Se você quer conhecer um pouco mais sobre o growth marketing e aprender como aplicá-lo no seu dia a dia profissional, continue a leitura.

O que é growth marketing

Enquanto o termo marketing quer dizer “fazer mercado”, e growth significa “crescimento”, podemos interpretar o growth marketing como a ação de aumentar oportunidades de fazer negócio. Trata-se, portanto, de uma evolução do marketing para se adequar às necessidades atuais.

A princípio, o marketing tinha como foco vender o produto. Logo depois, a atenção principal das ações de marketing se voltou para o cliente. A preocupação com a experiência do cliente se tornou ainda maior, logo, o marketing passou a focar na comunicação dos valores da marca. E, mais recentemente, foi necessário promover uma integração maior entre a comunicação tradicional e o digital, o que levou o marketing a ser feito de forma colaborativa. Isso acontece entre marcas e, muitas vezes, conta com a participação dos próprios consumidores.

Agora, nesse mundo cada vez mais conectado e com consumidores cada vez mais participativos, as marcas precisam manter o contato com seu público. Para que isso seja possível – e viável – uma opção é contar com a colaboração de produtores de conteúdo da internet ou influenciadores digitais, por exemplo. Em contrapartida, também é preciso lidar com o volume de informação e com a velocidade em que ela se espalha pela rede. É aqui que entra o growth marketing, o mindset de resultados. Este foi o caminho encontrado pelos profissionais da área para buscar soluções rápidas – no ritmo que a transformação digital exige – e não perder as oportunidades de fazer negócio, encantar o cliente e promover a marca.

Como funciona o growth marketing na prática

O princípio é induzir os colaboradores a pensarem e agirem rápido, ok, mas como funciona o growth marketing na prática? Como comentado anteriormente, o growth marketing é um mindset. Ou seja, uma forma de pensar que deve ser empregada por todos os colaboradores envolvidos nos processos de comunicação da marca e venda dos seus produtos ou serviços. Desta forma, o objetivo é promover o alinhamento entre os departamentos de marketing e vendas visando alcançar as metas e otimizar os resultados. Por fim, o plano é que todos unam suas forças e conhecimentos a fim de, rapidamente, propor ações para solucionar os problemas e aproveitar as oportunidades encontradas no caminho. A seguir, vamos repassar alguns pontos de atenção na hora de colocar o growth marketing em prática.

infografico-growth-marketing-na-pratica

Mindset growth

Para começar, toda a companhia deve adotar o mindset growth. Ou, a forma de pensar no crescimento – sustentável – do negócio. O planejamento estratégico da marca deve ser pautado nessa visão e todos os recursos da empresa precisam estar cientes e dispostos a colaborar para esse fim.

União entre marketing e vendas

Esse mindset precisa estar ainda mais bem ancorado nas áreas de marketing e vendas, que são responsáveis pelo contato da marca com seus consumidores. Lembrando que o papel do marketing é gerar demanda para que a equipe comercial possa vender. Portanto, o resultado, ou o cumprimento das metas, depende dessa união entre marketing e vendas.

Foco em resultados

O olhar de quem emprega o growth marketing em sua estratégia deve estar voltado sempre para a necessidade ou o problema que se deseja resolver. As ações a serem feitas ou as estratégias que serão adotadas, como SEO, inbound marketing, entre outras, só serão definidas quando todos tiverem entendido aonde se quer chegar. O foco é no resultado, ou seja, no crescimento do negócio.

Decisões baseadas em dados

Para conseguir propor soluções rapidamente, a equipe precisa identificar os problemas com a mesma agilidade. É através da coleta e interpretação de dados que o growth marketing identifica os gaps. Assim, é possível traçar ações capazes de alavancar os negócios. Vale ressaltar que as equipes de marketing e vendas também precisam fazer e compartilhar essa análise. Uma vez que esse cruzamento de informações é essencial para a empresa tomar decisões baseadas em dados.

Enfim, este foi um resumo do que é e como funciona o growth marketing. Mas, assim como tudo no marketing digital, não é possível seguir um passo a passo infalível para implementá-lo. O growth marketing propõe uma mudança, inclusive, nos processos e recursos da companhia. Portanto, precisamos diagnosticar as necessidades e limitações de cada empresa antes de traçar um planejamento baseado em growth. Uma dica para começar é fazer um diagnóstico do seu marketing digital. Em seguida, avaliar as condições atuais do departamento comercial. Ao final, podemos traçar juntos um plano de growth marketing! É só falar com a gente: [email protected]  

Comentários

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Posts relacionados