Instagram ou Tik Tok: em qual rede apostar a divulgação da sua marca?

|

Existe uma grande oferta de plataformas para divulgação de uma marca, mas quando o assunto é as redes sociais mais populares do momento, surge a dúvida: em qual delas apostar, Instagram ou Tik Tok? Certamente, além dessas, existem outras plataformas que também merecem atenção, como: Facebook, Linkedin e YouTube. Mas, devido ao sucesso do Tik Tok e a similaridade dele com a nova ferramenta do Instagram, o Reels, decidimos trazer, neste artigo, algumas particularidades das duas redes, e os prós e contras de apostar em uma ou em outra. Portanto, prepara o celular que vem muita dica boa por aí! Acompanhe.

O Tik Tok

Sem dúvida, o Tik Tok foi o aplicativo mais baixado no Brasil e no mundo em 2020. Em abril desse ano, por exemplo, bateu o recorde de 2 bilhões de downloads no mundo todo. Em setembro, foram 61,1 milhões de downloads mundialmente, sendo 6,7 milhões no Brasil. Aliás, este foi o país que mais baixou o programa no mundo neste período, de acordo com dados da SensorTower.

Então, ao que se deve a popularidade da rede chinesa que surgiu em 2017, mas começou a ganhar espaço em 2019? No princípio, a rede se tornou popular entre o público jovem, assim como o Snapchat, por ser um canal onde os pais ainda não estavam presentes. Depois, a pandemia impulsionou o aplicativo, levando um grande número de curiosos para a plataforma. Além disso, no Brasil, ações de influencers, marcas e programas, como BBB 12 e A Fazenda, também estimularam o aumento de usuários.

Contudo, nos EUA, devido à rivalidade entre os dois países, a rede chinesa enfrenta alguns problemas. Por conta da naturalidade da plataforma, o governo americano acusa o Tik Tok de levar dados dos usuários para a China. Por isso, tenta banir a rede do país, já que a venda para uma empresa americana ainda não se consolidou. A guerra na justiça parece ainda não ter acabado, mas, a última notícia é que o banimento deveria começar em 12 de novembro, no entanto, uma juíza americana vetou a decisão. Ou seja, até então, o aplicativo segue livre em terras americanas.

O Instagram

Este é um velho conhecido nosso, já que surgiu em 2012. Hoje, é a quinta rede social mais popular do mundo, com um bilhão de usuários ativos por mês, perdendo para Facebook, YouTube, WhatsApp e WeChat. Apesar de ser uma rede mais madura que o Tik Tok, o Instagram – criado primeiramente somente para o compartilhamento de imagens – vem se reinventando frequentemente. Em 2016, para competir com a febre do Snapchat, lançou os Stories, um novo formato de compartilhamento de vídeos curtos, com recursos muito parecidos com o aplicativo teen. Já em 2018, para competir com o YouTube, a plataforma lançou o IGTV com a finalidade de compartilhamento de vídeos com até 60 minutos.

Em junho deste ano, lançou a ferramenta Reels – que antes, quando ainda estava em fase de teste, era chamada de Cenas – para concorrer com a plataforma chinesa. Mais uma vez, o Instagram se inspirou no concorrente para criar a novidade, portanto, muitos recursos do Tik Tok se parecem com os oferecidos pela plataforma de Mark Zuckerberg. A ferramenta foi lançada apenas no Brasil, Alemanha e França, sendo que nós fomos escolhidos pois ocupamos o segundo lugar no ranking dos países que mais gastam horas na rede social. Além disso, de acordo com dados do We Are Social de outubro de 2020, o Brasil ocupa o terceiro lugar em número de usuários, perdendo apenas para EUA e Índia, com 95 milhões de usuários.

Instagram ou Tik Tok: qual rede social escolher?

Escolher entre uma ou outra rede para promover uma marca é uma decisão que vai muito além. É necessário avaliar a estratégia de divulgação da marca, o objetivo da campanha e em qual rede está o público que deseja atingir. Mesmo porque, cada uma possui suas particularidades, seu público e seus formatos e, tudo isso deve ser avaliado antes mesmo de sair postando algo aqui ou ali. Lembrando que, independentemente da escolha, deve-se produzir os conteúdos de acordo com as possibilidades de cada rede. Nada de sair publicando vídeo do Tik Tok no Instagram ou vice versa, mesmo porque, o aplicativo de fotos baniu o termo Tik Tok e diminui o alcance dos perfis que mencionam essa palavra, então, muita atenção! Portanto, para ajudar na sua decisão, seguem algumas diferenças e semelhanças entre as plataformas, que poderão ajudar você a analisar as oportunidades de cada uma.

1. O Tik Tok é um aplicativo

Parece bastante óbvio, mas é importante olhar para as oportunidades. O Tik Tok é um aplicativo, enquanto Stories e Reels são complementos do Instagram. Por conta disso, as chances de melhorias e atualizações em um aplicativo são maiores do que em uma ferramenta, tanto que, atualmente, o Tik Tok apresenta mais recursos do que o Reels. No entanto, a última atualização do Instagram, inclui, entre os botões do rodapé, uma seção exclusiva de navegação para o Reels, o que mostra o quanto a plataforma está apostando nesse tipo de conteúdo. Então se você procura uma plataforma completa, deve apostar no Tik Tok. Mas, se não há a necessidade de utilizar muitas features, pode ficar no Instagram mesmo.

2. Tik Tok oferece mais possibilidades de edição

Como consequência do tópico anterior, o Tik Tok oferece mais opções de edição dos vídeos em relação ao Instagram. Até então, no Reels, por exemplo, pode-se: adicionar músicas, modificar a velocidade, incluir efeitos de realidade aumentada, textos e um temporizador. Já o Tik Tok, além desses, oferece mais efeitos e recursos para incrementar o seu conteúdo audiovisual.

3. O tempo de duração dos vídeos

O Tik Tok suporta vídeos de até um minuto ou até cinco minutos para usuários com mais de mil seguidores, enquanto o Reels, apenas conteúdos audiovisuais de 15 segundos. Logo, se a ideia é produzir conteúdos mais longos, o aplicativo chinês é a melhor opção.

4. Instagram permite compartilhamento em diversos formatos

O Instagram permite publicar os vídeos criados através do Reels no feed, stories, Facebook, enviar para amigos via DM e compartilhar na aba “explorar”. Já o Tik Tok permite apenas compartilhar no perfil do próprio aplicativo e enviar para amigos. Portanto, o Insta é a opção ideal para as empresas que desejam distribuir um mesmo conteúdo em vários meios e aumentar o alcance da marca.

5. Reels ainda não permite parcerias pagas

O Reels, ao contrário de outras ferramentas do Instagram, ainda não permite parcerias pagas, mas, sabemos que com a velocidade da tecnologia, isso pode mudar logo. Enquanto isso, no Tik Tok, já é possível monetizar os vídeos.

6. Instagram não corre risco de ser banido nos EUA

Este é o tópico mais polêmico. Apesar de o Tik Tok ainda permanecer nas terras do Tio Sam, a briga entre Trump e o aplicativo chinês não acabou e, por isso, existem chances do aplicativo ser totalmente banido do país. Mesmo que a sua marca não tenha um alcance global, é algo que se deve ponderar, pois há chances da popularidade do aplicativo diminuir em caso de banimento. O jeito é acompanhar as cenas dos próximos capítulos dessa novela.

Instagram ou Tik Tok: quem vence?

Será que temos um vencedor para essa batalha? Em resumo, percebe-se que o Tik Tok tem mais recursos, principalmente quando o assunto é edição, em comparação com o Instagram. Além de ainda atingir um público mais jovem do que o aplicativo americano. Por outro lado, o poder de fogo da rede de Mark Zuckerberg é muito maior, pois já conseguiu dizimar outros aplicativos por aí, como foi o caso do Snapchat.

Ainda assim, a tecnologia chinesa por trás do Tik Tok vem surpreendendo. Tanto que, enquanto os algoritmos do Instagram tentam esconder os conteúdos dos usuários que seguimos, o TikTok parece acertar os gostos dos usuários que estão no aplicativo. Será então que o aplicativo chinês é mais inteligente que o Instagram? É uma briga boa!

Comentários

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Posts relacionados